DICAS PARA SEU BICHINHO

cachorro-de-oculos-wallpaper-6929

> Os gatos bebem pouca água porque são animais do deserto, sendo capazes de concentrar muito sua urina;

 > O gato dorme em média 16h por dia, mas seu sono é muito leve;

 > O ronco do gato aparece quando é acariciado, na presença de alguém que ele goste ou quando lhe oferecemos um alimento que ele goste;

 > O cão não costuma sujar o local onde descansa, procura lugares específicos. Quando seu cão for filhote, acostume-o a urinar num tapete apropriado e depois em algum lugar no jardim;

 > Agosto é conhecido como o mês do cachorro louco porque é o período do cio das cadelas, havendo um maior contato entre os cães e também com locais onde o vírus se encontre;

 > Um filhote de dois meses faz xixi de meia em meia hora e defeca o mesmo número de vezes que come. Por isso, é importante condicioná-lo desde pequeno a fazer suas necessidades em um local especificado, no caso um jornal. Junto com este condicionamento, você deve também estimular seu filhote a defecar e urinar durante os passeios.

 Como ensinar seu filhote a fazer xixi no jornal.

 > Manter o filhote confortavelmente confinado num lugar de fácil limpeza.

 > Sair com o filhote no colo e levá-lo até onde possa fazer livremente suas necessidades, pelo menos cinco vezes por dia.

 > Mantê-lo fora por quinze minutos, no mínimo, mesmo que ele não faça nada.

 > Todas as saídas deverão ocorrer exclusivamente após as refeições.

 > Forrar com jornal todo o recinto onde o filhote irá permanecer.

 Como combater carrapatos.

 > A infestação de carrapatos no cão, além de causar um incômodo muito grande ao animal pela coceira que provoca (reação alérgica), pode causar anemia e transmitir doenças. Por isso, o controle do carrapato deve ser constante e qualquer sinal de apatia, febre, falta de apetite e mucosas (gengivas ou conjuntiva) pálidas em cães que costumam ter carrapatos, é motivo de uma visita ao veterinário e um exame de sangue, para detecção de doenças a tempo de serem tratadas.

 > Não arranque o carrapato simplesmente puxando-o, pois isso pode deixar uma parte dele na pele do animal e infeccionar o local. Utilize algodão embebido em álcool, cânfora ou éter e aperte-o contra o carrapato. Ele ficará entorpecido, o que facilita sua retirada.

 > Combata os carrapatos com banhos carrapaticidas (em casos de grande infestação, repetir os banhos a cada 15 dias), aplicação de produtos carrapaticidas de longa duração, aplique carrapaticidas também nos ambientes em que os animais costumam ficar e jardim a cada 15 dias, mudando de produto (carrapaticida) a cada 3 aplicações para que os carrapatos não desenvolvam resistência ao tratamento.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s